domingo, 15 de setembro de 2013

Como armazenar suas fotografias digitais

Um dilema de quem fotografa, ainda que por diversão, é "como fazer para armazenar com segurança as fotografias digitais?". Daqui há muitos anos eu vou querer ver as fotos que faço hoje em dia, mas como posso ter a garantia?...

• Gravar em mídias de CD ou DVD ► Não é uma opção muito recomendada. Além de ocupar muito espaço (chega uma hora que você vai ter armazenado pilhas de CDs e DVDs), ainda tem o risco do dispositivo "apagar sozinho". Muito comumente ocorre dos arquivos salvos em mídias "sumirem".

• Salvar num HD externo ► É um meio de armazenamento até seguro, tem a vantagem de ser fácil de transportar, no entanto ainda existe a possibilidade de um vírus contaminar o dispositivo e você perder todos os seus arquivos.

• Salvar no computador ► Não é seguro por muitos motivos: o computador pode pegar um vírus, quebrar, etc.

• Salvar na nuvem ► A melhor forma de armazenar esses arquivos é na internet, a chamada "nuvem". Alguns meios virtuais podem ser até confiáveis para se armazenar as fotos. 
Facebook — você também pode guardar em álbuns particulares do Facebook.
Flikr (esta é a opção que eu utilizo: AQUI) — Você pode guardá-las no Flickr (com 1TB de espaço gratuito – isso mesmo, imensos 1TB de espaço!) em álbuns particulares ou públicos – ou seja, se você quiser, só você poderá ver as fotos.
Windows Live SkyDrive — O serviço é gratuito e oferece 25GB de espaço para o armazenamento de músicas, fotografias e arquivos.
Google Drive — O espaço oferecido de graça na nuvem é de 15GB.


Como esses espaços na nuvem são limitados quando gratuitos, é importante reduzir um pouco do tamanho das fotos para economizar espaço – tipo, "pra quê todas as fotos salvas com 15MB de tamanho?", deixe em alta resolução só as melhores. Outra dica importante é desapegar-se e deletar algumas fotos mesmo, só salve as fotos legais, delete as repetidas. Também não esqueça de dividir o material em pastas, por período (ano, mês, dia…), assim fica mais fácil encontrar suas melhores fotos daqui há 30 anos (ou bem mais, claro!).

Nenhum comentário:

Postar um comentário