quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Dicas para sua coleção de maquiagem.


Ao começar a comprar os produtos para a própria coleção de maquiagem é comum a gente ficar babado quando vê aquelas coleções imensas de blogueiras famosas com dezenas de paletas de todas as marcas, máscaras para cílios que mal dá para contar, batons a perder de vista... Ficamos de olhos brilhantes ao ver imagens dessas coleções e torramos nosso dinheiro com tudo que podemos e que não podemos comprar. Acontece que, com o tempo, a gente vai percebendo que uma boa coleção é, antes de tudo, funcional e prática.

O post de hoje é para falar exatamente sobre essa sensação de que sempre temos pouco, sempre queríamos ter mais maquiagem. Isso pode ser um problema sério! Pensem comigo, é muito frustrante ver os produtos perdendo o prazo de validade e você não teve como usar tudo, às vezes não usou nem metade, por isso eu sinto satisfação de ter investido bem meu dinheiro quando vejo que consegui usar um produto até o final e que ele rendeu bastante.

Ficar comprando várias marcas para testar qual vale mais a pena e postar no blog. Gente, blogueiras famosas fazem isso porque recebem esses produtos de graça das marcas para testar, elas não ficam torrando cada centavo com produtos que não conhecem para testar. É melhor não perder dinheiro fazendo isso.

Outra coisa é que tem que se pensar em custo/benefício, porque não é difícil cair na velha história de o barato que saiu caro. Por isso, às vezes, mesmo que um produto pareça caro, é importante ver se ele rende e se é o bastante por si só. Por exemplo, eu vejo moças que não resistem entrar na perfumaria sem comprar algum produto de maquiagem, vejo gente acumular paletas e mais paletas da Ruby Rose, Luisance, Jasmyne, Fenzza e por aí vai... Se juntar o dinheiro que gastou em todas essas paletas, daria para comprar a Blockbuster Palette da Sephora e ainda sobraria dinheiro;  também vejo comprarem 10 batons vermelhos matte de R$8,00 para testar qual é o melhor uma perda à toa de dinheiro, compre logo um vermelho matte da M.A.C. que você gasta menos e vai ter um produto para usar até enjoar.

Não estou dizendo que devemos comprar apenas produtos de marcas caras. Claro que não! Estou falando de gastar dinheiro desnecessariamente. Eu acredito em produtos baratos e muito bons e para saber quais se encaixam nessa categoria eu aconselho pesquisar muito na internet antes de comprar e, principalmente, não sair comprando por impulso eu também já fiz isso marcas e produtos que nunca viu na vida só porque está baratinho e você tem a ilusão de que vai fazer volume na sua coleção. Lembre-se: quantidade não quer dizer qualidade!

Digo mais, conhecer a própria necessidade é fundamental. Deve-se se perguntar em primeiro lugar, "eu vou usar isso?". Quer dizer, para quê gastar tanto dinheiro com paletas e mais paletas de várias marcas diferentes e de cores e mais cores extravagantes, se você prefere só usar marrom no trabalho e preto na balada? Se você é assim, mas quer de vez em quando usar um pouco de colorido, então tenha, de colorido, só uma pequena paleta colorida, para usar de vez em quando, já basta. Não precisa comprar paletas com uma porção de tons em neon só porque ela está no tutorial de um blog ou para dizer que tem. Lembre-se: uma boa coleção de maquiagem é, em primeiro lugar, aquela que atende suas necessidades.

Outra dica, é melhor só comprar um produto quando o similar que você já tem dele acabar ou perder a validade, por exemplo, eu tenho um delineador líquido da Wet 'n'Wild que foi baratinho e é muito bom, vi que o delineador líquido da linha Intense de O Boticário também é baratinho e bom, há necessidade de eu comprar esse segundo delineador líquido só para testar? Evidente que não! Talvez eu compre quando o que eu tenho acabar.

A grande lição aqui é, portanto, é melhor ter pouca maquiagem que você realmente vai usar, do que ter muita que você não vai usar tudo nunca. O mesmo vale para esmalte, roupas e demais coisas.

Beijão e até mais!

13 comentários:

  1. Adorei as dicas! Eu acho que quando se trata de uma base que é algo que vai diretamente ao rosto, compensa em gastar um pouquinho mais comprando um produtinho melhor. Tem que tomar muito cuidado com essas coisas sabe, porque as vezes o barato sai caro, e MUITO, então tem que pesquisar bastante mesmo pra não ter perigo de errar.

    http://thayanepontes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, isso de comprar várias marcas para testar qual a melhor faz a gente acumular um monte de produto sem uso e perder um dinheirão. Beijão! ^^

      Excluir
  2. Me identifiquei muito em todos os aspectos.
    Primeiramente, eu já me vi comprando certas coisas "apenas para testar" e escrever minha opinião no blog - mas depois que me vi tendo que jogar alguns produtos no lixo, quase sem uso, porque tinham passado da validade, revi tremendamente meus conceitos.

    Eu comprei pouquíssimas paletas de sombras (uma matte, uma 3d e uma de 120 cores) que já atendem à todas as minhas necessidades e nem sei se conseguirei usar tudo até o prazo de validade vencer! Me vejo louca! O pessoal ainda vai me presenteando com maquiagem, me vejo mais louca ainda! rs

    Além disso, a dica que você deu por último é a mais importante, em minha opinião: quer comprar um produto novo para testar? Espera o seu acabar primeiro! Já deixei de jogar muito dinheiro no lixo fazendo isso!

    Adorei o texto!
    Beijões!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Muito disso aconteceu comigo também, por isso escrevi o post, mais como um alerta. Jogar produtos no lixo quase sem uso porque perdeu a validade é realmente o que mais me frusta. Dá um sensação de desperdício sabe? (E é desperdício mesmo, de dinheiro).

      Já dei muita coisa minha para não se perder. Mas com o tempo a gente vai desenvolvendo cautela e "aprendendo a gastar" rsrsr Beijão San ^^

      Excluir
  3. Acho que tudo vai muito de necessidade, se é para uso pessoal vale pensar no que realmente vai usar, se vai atender etc. No meu caso que trabalho com isso, eu tenho maior quantidade de produtos, mas não saio fazendo a doida comprando tudo que é lançado por ai, porque meu dinheiro não nasce em árvore. Eu tenho uma variedade de produtos importados e nacionais, o importante é garimpar, ficar ligado no que te atende e o que realmente vai ser útil para você!
    E ter a frase sempre na cabeça: Qualidade é melhor que quantidade!

    http://www.powerinred.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, deve-se focar na questão "necessidade". Quem trabalha com isso tem uma necessidade diferente, precisa de variedade para os clientes, daí acaba tendo muita coisa porque realmente vai fazer uso de tudo aquilo.

      Beijão!

      Excluir
  4. Amei as dicas, o bom mesmo é ter produtos de qualidade né,não adianta ter um monte de coisa que não presta
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, temos que ser cautelosos quanto ao que pagamos, para não jogar dinheiro fora. Beijão!

      Excluir
  5. Esse efeito dominó de consumo é bem complicado, pois ele não está exposto apenas entre as blogueiras, elas apenas refletem uma situação já presente entre nossa sociedade por causa do capitalismo. Quanto mais melhor. Essa imagem é passada para nós em todos os momentos, na TV, na rádio, no jornal, na revista e principalmente agora, na internet.
    O problema é que aprendemos todos os dias a gastar, mas não aprendemos a economizar, efeito do nosso capitalismo consumista. Concordo totalmente com o seu post, e acredito que o problema vai além, vai nas mensagens subliminares das propagandas e do marketing.
    Espero que um dia lutemos por isso!
    Adorei o post, parabéns.

    www.raposalaranja.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já passei por situações complicadas de, sem perceber, fazer do consumo cano de escape para chateações pessoais ou para passar o tédio, e a propaganda incentiva isso. É terrível! Qualquer dia escrevo aqui minha experiência e como eu me toquei e saí dessa. Acho esse tipo de post importante para alertar gente que talvez tenha um comportamento doentio com consumo e nem perceba (como foi meu caso).
      Beijão! ^^

      Excluir
  6. Falou tudo... sou a favor de comprar conscientemente, só aquilo que temos realmente a convicção de que vamos usar, ao invés de sair por aí gastando os tubos e fazendo estoque de produtos que vão ficar encostados mas compramos só porque fulana indicou ou porque está na moda...
    Eu tenho bastante maquiagem e realmente uso tudo o que tenho, porém antes de comprar qualquer coisa pesquiso bastante pra ver outras opiniões, saber se é adequado pro meu tipo de pele e se vale o investimento.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, hoje em dia eu também penso assim, mas aprendi depois de quebrar a cara bastante e perder muito dinheiro rsrs Beijão!

      Excluir
  7. Isso sim é um serviço pra blogosfera! Ao invés de incentivar o consumo desenfreado, nos fez pensar! Eu estou começando agora, porque estou aprendendo, e ler o seu texto já me fez pensar bastante antes mesmo de cometer qualquer um desses enganos. Muito bom mesmo, parabéns pelo trabalho com o texto! <3

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...